quinta-feira, 2 de abril de 2009

peço desculpa por este narcisismo; o programa segue dentro de momentos...



Não resisto a mostrar-vos a cara deste meu "novo filho"...
Pai babado é assim. Amanhã já volto a coisas interessantes.

(o filho não é nenhum daqueles jovens que aparecem ali! Calma, que isto não é nenhuma revelação ad latere de paternidade)

18 comentários:

Anónimo disse...

Agora é que vai ser renhido....Dr. Mário Cordeiro, vamos ver quem sabe mais sobre os adolescentes!!

36 anos a aturá-los na escola dá-me um certo avanço...

Tudo será lido linha à linha....e sublinhado!

Parabéns, mano.

Agora só falta escrever " O Livro dos adultos - dos 19 aos 90 anos!!
Já estou ansiosa!

Bjo

Virgínia

álvaro disse...

Qual narcisismo! parabéns dos grandes!! E adoro o quadro tradicional na capa. Será que daqui a uns anos vão ser Magalhães gigantes???

Elisete disse...

Muitos Parabéns! Aos outros dois temos recorrido vezes sem conta. Este vai já fazer parte da nossa biblioteca porque o tempo passa a correr e, aliás, o Arnaldo já tem uma filha a entrar nesta fase da vida. É engraçado porque eu já não me lembro de ter passado pela adolescência. Será bom ou mau sinal?

joaopedrosantos disse...

Este não pode ter sido "um daqueles jovens que aparece ali". Aliás, parecem ter sido seguidas todas as normas de planeamento familiar, de tão bem pensado que terá sido.
Até já :)

Anónimo disse...

"Muitos e muitos Parabéns!!
Não só pelo trabalho e dedicação, que foram imensos, mas pelo teu enorme talento e sabedoria.

Acompanhei toda a "gestação", por isso sei do que falo, e o resultado está à vista, com este excelente "filho".

Por isso, tens todo o direito do mundo de hoje seres narcísico, vaidoso, babado, o que te apetecer.
Mereces a recompensa e os Parabéns.

E também muitos beijinhos.

Catarina"

sofia wahnon disse...

Parabéns Dr. Mário por mais este sucesso!
Qualquer dia passaremos pelo consultório para que à semelhança das outras duas vezes nos possa autografar mais este livro. Afinal, as famílias também podem babar pelos seus médicos, ou não?!
Até lá, haverá assim algum “segredo” que possa aqui e agora partilhar connosco, mães e pais de futuros adolescentes? Ou vamos mesmo que ter que os descobrir à medida que as pernas forem andando? E já agora, 10 anos??? O que aconteceu ao 13 como número de baptismo da adolescência? :-)
Bom, eu diria que estas são coisas muito interessantes mesmo...obrigada!

Mário disse...

Catarina: bem sabes o que foi, e o que tiveste de aguentar... isto de não se ter o dom da ubiquidade é mesmo chato, mas quando se tem alguém compreensivo e solidário ao lado, tudo parece ser mais fácil e melhor. Obrigado.

Sofia, obrigado pelo comentário.
A adolescência acontece três anos antes dos pais a desejarem, e três anos depois dos jovens a quererem - portanto, é só fazer as contas...

Milene disse...

Parabens.....!!!!!!!, e Obrigado por mais um livro que, considerando a Adolescente que fui, e a irreverente que sempre serei, será para além do meu adolescente Nuno, um pouco meu também.

Anónimo disse...

OBRIGADA por tudo e por mais este adolescente a quem dedicou tanto de si e que agora nos oferece já prontinho, crescidinho e com uma óptima apresentação!
A nossa amizade já é "adulta" mas há sempre bons momentos para recordar nesta fase que considero a mais bonita da vida - "A adolescência".
Um abraço de parabéns.
Luisa Maria

PS - Vou guardar para ler quando os netos vierem...

Pedro Cordeiro disse...

Foi bom ter lá estado. Por tudo. Beijinhos, Pai.

Mário disse...

E foi bom ter tantos amigos, filhos, netos, namorada e tanta gente à minha volta. Foi um momento muito "quente", e sabe bem o calor e o afecto.

Obrigado também, Pedro, por dares, como disse o Henrique Monteiro, a "satisfação do dever cumprido".

Anónimo disse...

Não pudemos estar no lançamento ontem, mas já deixamos a sugestão deste novo "Grande Livro" no nosso blog.
Parabéns por mais este projecto.

Ana Soares

Rosa Silvestre disse...

Vou gostar de ler este livro, escrito por quem foi meu professor.
Parabéns!

Ana Paula Branco disse...

Mais uma vez PARABÉNS!
Estive lá, estou aqui. Sou pior do que as "melgas", mas as minhas "ferruadas" não deixam "veneno".
Conforme lhe disse antes, fico à espera do próximo, que terá de estar pronto para o ler quando me reformar mas, sem o "peso" deste senão não vou conseguir "pegar-lhe ao colo".
Um beijinho e obrigada.

Anónimo disse...

Só um comentário: azul- o salmão???
Então a cor de salmão, aquela maravilha entre o rosa e o laranja, cor dos meus vestidos em menina, com lacinhos de veludo e cinto a condizer, contrastando com as minhas irmãs de azul?

Deves estar a pensar no teu benfica, que já nem é encarnado, de tão mau, passou a salmão!!

Azul é o meu FCP, que hoje vai dar uma tosa no MU!! Biba o FCP!

( sorry pelo comentário)

Virgínia

zé disse...

Tudo o que possa dizer redunda no que foi já dito. No entanto, a admiração por um Homem e depois por um profissional obriga-me a dar os parabéns, felicitações, sei lá; a quem tanto merece. Um abraço e um muito obrigadfo pela lembrança, Dr. Mário.

Anónimo disse...

Desculpas aceites, pelo narcismo, é claro. O sucesso como médico e pai é evidente, mas temos de olhar um pouco mais longe ainda que os problemas estejam tão perto e sejam tantos.

catuxa disse...

Como sobrinha e afilhada, fico orgulhosa e anseio por conhecer este novo filho (posso tratá-lo por primo, não?). Os outros, felizmente, já conheço bem, os de carne e osso e os sem ser...gosto muito de todos.
Muitos parabéns! Beijinhos
Catuxa