terça-feira, 20 de abril de 2010

ah, vulcão de uma figa!

O malandro do vulcão fez-me a partida: uma semana de férias, ambicionada e programada há tanto tempo, "torpedeada" pelo encerramento dos espaços aéreos. Mas à falta do país de destino (ficará para uma próxima vez...), há muito que ver quando se viaja "sem destino". Como esta paisagem perfeita, algures em Portugal (desculpem: não revelo "segredos de estado"...).

10 comentários:

sofia wahnon disse...

É também como mais gosto - sem destino, nada de "agendas" para cumprir. Boas férias por aí, desse lado do ecrã.

Rui disse...

Os terroristas ao pé da Mãe Natureza são uns meninos muito pequenininhos...
Só mesmo um Vulcão para parar uma Europa inteira.

sofia costa disse...

Linda paisagem!! Pois eu também estou quase a ir de férias e ainda pensei em voar até um destino de praia mas o alentejo, região pela qual tenho uma paixão enorme, puxou mais uma vez por nós. E lá vamos nós passar uns dias calmos e cheios de beleza numa terra apaixonante.

catuxa disse...

Posso arriscar um palpite? Algures no Ribatejo. Que saudades das viagens de carro, sem destino e, aos mesmo tempo, tanta liberdade. Boas férias, seja onde for.

miguel disse...

Mário: podias, aproveitando as ferramentas do blogger, fazer um inquérito com a a seguinte pergunta - Onde se situa a paisagem da fotografia editada na entrada tal, tal, tal?

Desvendarias o segredo após essa "secreta" estadia.

Os vencedores ficariam todos satisfeitos , os derrotados cheios de inveja... embora não haja maneira de saber quem votou em quê.

Anónimo disse...

Cheira mais a Oeste... Zona do Bambarral-?

Filipe Snr

Anónimo disse...

É na A8, pouco antes da saída para Torres Vedras.. sorry :p

Artur disse...

Olho marinho sitio mágico que me permite ir vezes em conta ao baleal, onde infelizmente peniche cada vez se torna mais comercial, no entanto amo o baleal e as pessoas pobres mas com muito amor para dar.
Algarve urbanização alfamar o ideal para estar com os pequenos a 300 m da praia, um pequeno oasis.
Excelente sitio para mostrar, fragas de são simão pesquisem na net ;), tenho umas fotos brutais.
Em lisboa visitem por detrás do el corte ingles o espelho de água ou simplesmente corram com os pequenos na quinta das conchas.

Ricardo disse...

não foi as cinzas do vulcão, mas como dizem algumas más línguas (lagartos e dragões) o "´pò" que paira no ar é culpa dos cachecóis dos benfiquistas que foram retirados dos baús.....conversa de maus perdedores.

Virginia disse...

Fui e vim de Inglaterra, na semana de 14 a 22 sem a minima beliscadura vulcanica, o que nao quer dizer que nao me tenha ralado um pouquinho com as noticias do Sky News, que prometia nao haver aviões nos proximos tempos. Eles ainda sao mais sensacionalistas que a TVI!!!

Devo dizer que a Ryanair teve o cuidado de enviar um email a todos os passageiros com bilhete para a tarde de 22 - o meu caso, - avisando que o vôo se faria e que deveríamos estar no aeroporto com 3 horas de antecedencia, mesmo com o check-in feito.Foram impecaveis e o voo so partiu com 15m de atraso. Oiço neste momento um avião a atravessar os céus e pergunto-me como
Lisboa deve ter sido calma nos dias em que o espaço aéreo esteve quase todo fechado.
Ontem viajei de comboio tres horas e de avião duas ( mas estive no aeroporto cinco). O comboio é mil vezes mais confortável , mesmo em 2 classe. Em Inglaterra ha comboios para todos os lados de meia em meia hora e agora até um directo de Leeds para Kings Cross em Londres, que leva so duas horas e meia, se se quiser ir la passar um dia ( são 400 kms). Nao ha TGVs mas toda a gente anda de transportes publicos e compra bilhete no autocarro. Quem me dera que em Portugal houvesse comboios assim para todo o lado.