segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

porqué no te callas un rato?

Marcelo Rebelo de Sousa afirmou ontem que a nova lei do casamento entre pessoas do mesmo sexo é um “aborto jurídico”.
         Público on-line

Engraçado... ainda os casamentos mal começaram, já há abortos! Mas que rapidez. E fetos-gays-mortos por causa da vacina da gripe, Marcelo já os contabilizou? O que dirá o professor da legislação similar que existe em cada vez mais países do chamado Mundo desenvolvido? Será que todos esses governos, alguns conservadores, outros socialistas, produzem "legislação abortiva"? Porventura teremos de esperar por um governo do professor Marcelo para vermos a Luz da perfeição, mas ele não quer ser PM nem, diga-se a verdade, os portugueses o querem para PM...

3 comentários:

Filipe Snr disse...

100% de acordo!

Devo confessar que, desde há já algum tempo que não assisto às diatribes do 'Senhor Sabe Tudo' que,
infelizmente, nada faz...

Se vejo o Telejornal (normalmente vejo o da SIC), mudo de canal antes do MRS entrar no écran. Estou velho demais para perder tempo com palavras inúteis...

sininho disse...

100% de acordo com ambos...

E eu ainda sou nova demais para perder tempo com palavras inúteis...

miguel disse...

esquizofrenia; autismo; aborto (...)- léxico vulgarizado nesta classe de tipos.

"lata"; vaidade; falta de pudor não lhes falta. Pena que muitas vezes não utilizem a inteligência para aquilo que interessa.