sábado, 8 de dezembro de 2007

lanches de Natal


Gosto desta época, por muitas e variadas razões, mas também pela azáfama natural, entre compra de presentes, concertos, cinemas e visitas a amigos. Pode ser que seja uma grande correria, mas sabe bem.

Um dos momentos de que mais gosto são os "lanches de Natal", em que uma pessoa "abre o bar" e os amigos vão pingando e encontrando-se, seja por cinco minutos, seja por cinco horas.

Durante muitos anos pratiquei o culto, em minha casa. Agora chegou o momento de outros.
Obrigado, Sofia e Pedro.

4 comentários:

M & M disse...

Também nós lá estivemos e deliciamo-nos com todas as coisas boas que havia neste simpático lanchinho de Natal, além claro está, da boa e acolhedora companhia de todos os presentes.
Boas Festas para todos e obrigado Sofia e Pedro pelo gentil convite e calorosa recepção. Também parabéns á Teresa e á Sofia por todas as deliciosas doçarias !
(E a marmelada é de comer e chorar por mais...)

miguel disse...

Não sabia que este lanchinho de Natal era tradição de família. É mais um motivo de satisfação por termos sido convidados. Estivemos bem , muito bem, entre amigos.que bom para nós, cotas, integrarmos a lista de convidados de um casal jovem.E que bom é ter amigos assim.

Miguel e Paula

Sofia disse...

Tão queridos todos... ainda bem que gostaram! Gostamos mesmo muito destes nossos amigos cotas! Que venham mais lanches, que eu gosto de ter muitos para quem cozinhar... beijinhos a todos e obrigada pelos presentes que adorámos

Huckleberry Friend disse...

Trabalhámos para ter a casa limpa e arrumada... e conseguimos. A Sofia esfalfou-se na cozinha, tal como a Teresa... e conseguiram. O que subscreve estas linhas foi co-autor das compotas e marmeladas e esforçou-se na logística... e acha que conseguiu. Mas o que foi mesmo bom neste lanche, que teve tantas coisas boas, foi a vossa presença. Sem isso, todos os outros "conseguimentos" ficariam vazios. Boas Festas!